Os bastidores de Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal

Autor: 
Ana França

O professor Jones está de volta, ou melhor, Indiana Jones está de volta e com tudo o que tem direito: sua jaqueta de couro, seu chapéu, chicote e o tradicional medo de cobras. Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal, quarto filme da consagrada série Indiana Jones, estreou em 22 de maio e tem levado muitos fãs ao cinema.

Depois de sua primeira aparição, há cerca de 27 anos, com o filme Indiana Jones e os Caçadores da Arca Perdida, Indiana Jones tornou-se um dos aventureiros mais adorados do cinema. Os fãs da série estavam completamente inconformados com o fato de ela ter “encerrado” em 1989, com o filme Indiana Jones e a Última Cruzada. Para Spielberg, diretor de todos os filmes, a série deveria acabar ali mesmo. “Filmei Indiana Jones cavalgando no pôr-do-sol porque achei que isso fechava as cortinas da história", disse Spielberg.

Imagem cedida pela Paramount Pictures Brasil

Porém, quem realmente não sossegou foi o próprio Indiana Jones, ôps, o ator Harrison Ford que interpreta o personagem principal em todos os filmes da série. Inconformado com o fim da aventura, Harrison não deixou por menos e simplesmente ligou para Spielberg e para o produtor, George Lucas, com o intuito de convencê-los a, pelo menos ,considerar a hipótese de filmarem mais uma história. Juntos, os três concordaram que iriam em frente com a quarta aventura, desde que, a idéia principal e a qualidade do filme fossem mantidas.

­Um dos pontos mais importantes discutidos por eles e definidos logo de início foi a questão “tempo”. Se cerca de 19 anos já haviam transcorridos entre o último filme da série e a quarta aventura, esse tempo também deveria passar para Indy (apelido de Indiana Jones). Outra questão que foi relevante para os três era o fato de manterem a atmosfera da série que foi sendo elaborada durante todos esses quase 30 anos. Ou seja, apesar do novo filme se passar nos anos 50 e contar com muitas mudanças no cenário, algumas coisas permaneceram iguais como o mapa, o avião e os veículos com a pequena linha vermelha mostrando como você está saltando de um lugar para outro no mundo.

­

­
Imagem cedida pela Paramount Pictures Brasil­
Spielberg, Ford e Lucas

A parte inicial da produção foi filmada no deserto do Novo México. De lá, a equipe rumou para Deming, onde hangares de uma velha base aérea da Segunda Guerra Mundial foram utilizados como pano de fundo para as sequências de abertura do novo filme.

Depois disso, a produção foi para a Universidade de Marshall, onde filmaram o que eles consideravam, até então, um dos maiores desafios do novo filme. Os produtores precisavam recriar o ambiente da sala de aula do professor Jones, que até então havia sido filmado na Universidade Pacific, no norte da Califórnia. Felizmente, tudo correu perfeitamente bem, tanto no interior da sala de aula, como no exterior da universidade.

Imagem cedida pela Paramount Pictures Brasil

­

O guarda-roupas de Indy
Os figurinistas da quarta aventura tiveram bem menos trabalho do que imaginavam. Bernie Pollack, figurinista que trabalha com Harrison Ford há 15 anos, mandou a roupa original de Indiana para a casa de Harrison, para que ele experimentasse e dissesse onde a roupa deveria ser aumentada. Porém, Harrison Ford experimentou e... a roupa vestiu como uma luva.

Você pode até achar que Indy usa apenas um mesmo figurino durante todo o filme mas, na realidade, os figurinistas mandaram fabricar nada menos do que 60 calças e 72 camisas!

Outra sequência eletrizante do filme foi filmada em uma selva localizada no sudeste do Havaí. É lá que foi filmada a parte do filme que traz, inclusive, uma luta de espadas que acontece em cima de carros em movimento. Além do deserto, universidade e selva do Havaí, diversos sets da filmagem foram criados, além de muitos efeitos especiais – a tarefa de criar escadas que retraem quando os personagens descem os degraus não foi nada fácil, mas o resultado foi compensador.

A pré-estréia do quarto filme da série aconteceu no dia 18 de maio, durante o Festival de Cannes. O filme foi exibido em uma sessão especial apenas para jornalistas e convidados e contou com a presença de todo o elenco do filme.

Na próxima página, fique por dentro da sinopse, elenco e veja o trailer de Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal.

Criamos Indiana Jones, mas ele pertence ao mundo. E agora somos os guardiões. Nossa função é exibir uma grande porção não apenas do que Indiana Jones significa para o público que cresceu com ele, como também apresentar o personagem àqueles que ainda não o conhecem.”

­ Steven Spielberg